IMPROVISAÇÃO

com João Grilo

Descrição:
Conhecemos todos a palavra improvisação mas temos concepções diferentes sobre a mesma. Há um ano perguntei a um aluno de seis anos o que era a improvisação e ele respondeu “Improvisar é mentir”. Ao fazer uma pesquisa rápida em alguns dicionários online à busca do significado de improvisar deparei-me com as seguintes definições: 
Mentir;
Dizer ou fazer de repente, sem premeditação ou sem os elementos precisos;
Arranjar à pressa;
Fingir;
Citar falsamente;  
Algo que se realiza ou inventa de repente, sem qualquer preparação anterior;
Performance que um actor ou músico não preparou ou planeou. 

Afinal o meu aluno tinha alguma razão. Pensando um pouco sobre esta pesquisa, dei-me conta que estas definições talvez sejam uma consequência da relação que temos com  a Improvisação — uma noção da mesma envolta de um certo misticismo e a impressão de que ela acontece como que por um acto de magia, sem necessidade de preparação prévia. 

Este curso, de iniciação à improvisação, pretende desmistificar estas concepções e mostrar como a improvisação musical não é tão diferente do acto de falar:

Quando falamos não estamos a dar voz a um discurso previamente preparado. Pelo contrário, na grande maioria das vezes, estamos a articular um discurso em tempo real que nos possibilita expressar as nossas ideias, sentimentos e emoções. É através de um longo processo de aprendizagem e prática que conseguimos fazê-lo. Esta processo desenvolve-se através da aprendizagem dos elementos básicos, como as palavras e a sintaxe, e é nutrida pela escuta, desenvolvida pela imitação, expandida através da literatura e da partilha de ideias, vocabulário e pensamentos.

Neste curso, o objectivo é iniciar esse mesmo caminho na área da improvisação musical, percebendo como é que através dos elementos básicos da música se pode elaborar um discurso musical em tempo real possibilitando, desta forma, a expressão de ideias em som. 

Divida em dois módulos, esta aventura terá uma componente maioritariamente prática juntamente com uma componente teórica. Na grande maioria das aulas os participantes terão um pequeno trabalho a realizar para a aula seguinte, que irá ser revisto em conjunto com o professor. Para além disso haverão momentos de escuta musical e discussões estéticas, bem como partilhas de conteúdos externos relevantes para o curso. Todos os instrumentos são bem vindos, bem como participantes provenientes de estilos diferentes.  Este curso pretende ser um caminho de encontro com a personalidade artística dos participantes, potenciando dessa forma, as concepções estéticas únicas de cada aluno.

Todos os participantes interessados em ter aulas individuais, terão a oportunidade de trabalhar o conteúdo programático apresentado de forma muito mais focada e personalizada nos seus objectivos pessoais.

Conteúdo Programático

Aulas do Módulo 1

  • O que é afinal a improvisação? ;
  • Exemplos musicais da contribuição desta abordagem na história da música; 
  • Exemplos musicais nos diferentes estilos musicais; (Jazz, Música tradicional, Música oriental)
  • Partilha de Bibliografia e outros conteúdos
    • Introdução ao Treino auditivo; 
    • Exercício da escuta musical — ouvir música de vários ângulos
    • Ouvir, Imitar, Desenvolver — apresentação de formas de desenvolver uma linguagem individual através da escuta dos outros. 

 

  • O tempo;
  • Pulsação; 
  • Organização metronómico do tempo;
  • Subdivisões;
  • Densidade rítmica 
  • Exercícios: 

Tocar e cantar ritmos nas subdivisões básicas binárias e ternárias; 

Improvisações utilizando a densidade rítmica como elemento principal.

  • Acompanhamento individual sobre questões rítmicas;
  • Correcção de exercícios e  esclarecimento de eventuais dúvidas; 
  • Treino Auditivo

 

  • Intervalos;
  • Escalas;
  • Modos;
  • Exercícios:
  • Improvisar utilizando apenas um intervalo possível;
    Improvisar só numa escala;
    Improvisar só num modo; Outras Improvisações sobre mais do que uma escala, modo ou intervalo.
  • Aprofundamento de conceitos harmónicos anteriormente abordados;
  • Correcção de exercícios e esclarecimento de eventuais dúvidas; 
  • Treino Auditivo
  • Subdivisões;
  • Compassos;
  • Acentuações;
  • Deslocação Rítmica;
  • Desenvolvimento Motívico Rítmico;
  • Exercícios: 

Fluidez rítmica nos compassos 3 / 4  + 4 /4; 
Improvisações assentes em subdivisões específicas e acentuações pré-definidas; 
Desenvolvimento rítmico.

  • Música Tonal — Princípios Básicos; 
  • Música Modal — Princípios Básicos ; 
  • Exercícios: 

Criação de duas pequenas estruturas harmónicas;
Improvisação sobre as mesmas.

  • Aprofundamento dos conceitos abordados na aula anterior;
  • Correcção de exercícios e esclarecimento de eventuais dúvidas; 
  • Improvisações e resolução de problemas.;
  • O que é o Timbre?
  • Como usar as características sonoras do instrumento para a construção de improvisação?
  • Quais são as camadas que podem constituir uma música? Como se comportam? Que características têm? 
  • Densidade; 
  • Registo. 
  • Exercícios: 

Criação de um pequeno catálogo tímbrico dos instrumentos dos alunos; Pesquisa de uma paleta de sons invulgares obtidos no instrumento; 
Criação de pequenas regras que guiem uma improvisação baseados nestes elementos;
Improvisar um ostinato / improvisar uma melodia;

  • Revisão dos exercícios feitos nas aulas anteriores;
  • Exercícios de Improvisação:

    Improvisação numa escala;
    Improvisação numa sequência harmónica;
    Diversidade rítmica; 
    Fluência de discurso. 

  • Criação de uma pequena composição musical baseada em improvisações previamente realizadas; 
  • Criação de um conjunto de regras baseadas numa determinada composição musical existente para improvisar ao estilo da mesma.
  • Técnicas de “reciclagem” musical. 
  • Acompanhamento individual no projecto de composição e improvisação.
  • Directrizes finais para a concepção do projecto final; 
  • Esclarecimento de dúvidas.
  • Audição das pequenas composições e improvisações criadas ao longo do curso e respectiva discussão colectiva; 
  • Síntese de conteúdo aprendido; 
  • Partilha de métodos adicionais para a continuação da exploração da improvisação; 

 

Aulas do Módulo 2

  • Revistar o módulo anterior — quais são as necessidades específicas de cada aluno? Quais são os aspectos de maior dificuldade? Esclarecimento de dúvidas; 
  • Partilha de exercícios rítmicos, de treino auditivo e harmónicos que irão ser realizados ao longo do módulo; 
  • Introdução à transcrição —  escolha de uma pequena improvisação para reproduzir com exactidão
  • Revisão das subdivisões mais comuns (semínima, tercina de semínima, colcheia, tercina, semicolcheia) + Exercícios de percussão e de adaptação aos instrumentos;
  • Exercícios de acentuações, mudanças entre subdivisões, agrupamentos diversos;
  • Aplicação dos mesmos em compassos simples;
  • Acompanhamento no domínio dos aspectos rítmicos abordados;
  • Processo de transcrição; 
  • Treino Auditivo
  • Desenvolvimento da Harmonia Tonal:

    Cadências comuns;
    Acordes de Passagem;
    Modelações;

  • Exercícios de Improvisação no contexto harmónico tonal.

  • Acompanhamento no contexto do desenvolvimento da harmonia tonal;
  • Exercícios personalizados para agilizar o discurso improvisatório;
  • Acompanhamento do processo de transcrição
  • Exploração dos compassos simples;
  • Exploração de marcações distintas do compasso; 
  • Mudança de subdivisões e introdução à quintina, sextina e septina
  • Exercícios de fluidez rítmica, e desenvolvimento rítmico
  • Música Modal – Revisão dos princípios básicos;
  • Modos da escala Menor Melódica e Maior Harmónica
  • Aplicação destes modos em contextos harmónicos diversos — exercícios de improvisação 
  • Manipulação melódica e rítmica para desenvolver um discurso fluído:

Transposição;
Inversão;
Expansão e Contracção Interválica e Rítmica;

  • Revistar os aspectos abordados da música modal; 
  • Revistar as técnicas de desenvolvimento motívico;
  • Transcrição.
  • Exercitar a Imaginação; 
  • Exercícios de fluidez — como exteriorizar musicalmente a imaginação sonora interior?
  • Pensar rápido (ou não pensar?) 
  • Reagir ao som — formas de interpretar e reagir ao som produzido por outras pessoas e por nós mesmos como mecanismo de desenvolvimento de ideias musicais.
  • Usar excertos de música pré-existente para dar forma a novas improvisações; 
  • Análise dos excertos sonoros escolhidos e respectiva extracção de regras musicais; 
  • Composição de excertos musicais novos com base na música pré-existente escolhida
  • Acompanhamento dos projectos começados na aula anterior;
  • Desenvolvimento de exercícios de improvisação com base nas composições realizadas;
  • Análise das transcrições feitas;
  • A relação entre a composição e a Improvisação; 
  • Acompanhamento dos projectos em curso; 
  • Esclarecimento de dúvidas,
  • Diretrizes finais para a concepção dos projectos 

 

  • Apresentação dos trabalhos finais e respectiva discussão;
  • Síntese de conteúdo aprendido; 
  • Partilha de métodos adicionais para a continuação da exploração da improvisação; 

 

Inscrição, Vagas, Preços e Pagamentos
JUNHO 2020


A inscrição estará concluída quando realizares: 

– Preenchimento do formulário online 

Aquando das segundas prestações solicita-se o envio do comprovativo para geral@interferencia.pt indicando o nome, curso e modalidade de prestação.

Exemplo: ASSUNTO [ José Alves / Composição + Electrónica / segunda prestação ]

*Se a turma não abrir por falta de inscritos, a Interferência compromete-se a devolver o valor da inscrição na sua totalidade.

a) Aulas individuais
b) Máximo 4 participantes por turma

*pelo menos para já, Online

Aulas de 60 minutos
A marcar entre 10:00 e as 19:00 ou 20:00 e 22:00 de Segunda a Sábado

*o início concreto do curso assim como a distribuição das horas nos próximos meses será feita posteriormente às inscrições de forma a melhor servir os interesses de todos os envolvidos – turma e formador.

INDIVIDUAIS:
Aula Individual Pontual de 1hora: 30€
Pack 5 Aulas Individuais de 1hora: 120€

AULAS EM TURMA – 35horas
(10horas de aulas individuais + 25horas em grupo)

Prestação Única: 350€
Duas prestações – 185€ + 185€

*entra em contacto para geral@interferencia.pt para outras modalidades de pagamento.

**os alunos inscritos só serão admitidos após o pagamento de, pelo menos, uma prestação.

A transferência deve ser feita para o NIB:
0036 0151 9910006524312 

a) Sócios Interferência:  Desconto de 20€ por Curso
b) 3 inscrições simultâneas no mesmo curso : Desconto de 15€ por inscrição


Em caso de dúvida envie email para geral@interferencia.pt